First  Prev  1  2  3  4  5  6  7  Next  Last
Post Reply Death Parade ★
33460 cr points
Send Message: Send PM GB Post
26 / M / São Paulo
Offline
Posted 1/31/15

FabioLuz wrote:


Sanchetos wrote:

Quem ai acabo de ver o episódio 4! \o
pra mim foi o mais engraçado por enquanto mas bem triste no final.
Eu acho que aquele rapaz que se suicidou deveria ter ido pro inferno e não pro céu, mas como no Japão tem muitos suicide-os acho que preferiram deixar assim ! kkk
A mulher eu fico em duvida por que ela sofreu muito na vida, mas tinha tudo pra mudar ela é aquele tipo de pessoal (coitadinha etc).
bem quero saber a opinião de vc !!


A melhor forma de julgar esse e os outros episódios é no momento em que as portas do elevador se fecham, quando a verdadeira natureza de cada um aparece. Repare que o garoto mostra arrependimento e vontade de se redimir. Já a mulher, no último instante, fica com a expressão séria do tipo "não me arrependo de nada do que fiz".

Em uma cena mostra um dos filhos chorando, os outros com cara de "você não vai fazer nada?" e ela de boa lendo um livro. E no fliperama, ela diz depois do especial dos filhos: "fracos". Ela sofreu na vida? Sim, sofreu. Mas se tornou a pessoa que mais fez os outros sofrerem também. Amava os filhos? Sim, amava, mas de um jeito bem desvirtuado. E precisava ter 5? Por que não parou no segundo? Quem não tem vocação para paternidade e maternidade e não coloca os filhos como prioridade que não os tenha.

Enquanto o garoto carregava o trauma de ser rejeitado pela própria mãe e de não aceitar o amor sincero da madrasta. Mas se arrependeu no final. E mereceu uma segunda chance.

E os conceitos cristãos de suicídio não contam muito em Death Parade. Aqui há mais de xintoísmo e budismo pois, como eu sempre digo, animes foram feitos por e para japoneses.



Falo bonito, gostei da sua explicação!
eu sei que o modo de julgamento dos japoneses é bem diferente do nosso, mas ainda fico com duvida em uma coisa quando a pessoa vai para a ressurreição. quer dizer que ele ressuscita(vai de volta pro mundo real) ou ele vai pro céu?
Redator de Notícias
15119 cr points
Send Message: Send PM GB Post
42 / M
Online
Posted 1/31/15 , edited 1/31/15


Sou suspeito de falar já que sou kardecista, mas para os japoneses esses conceitos têm mais a ver com mitologia local (http://pt.wikipedia.org/wiki/Yomi) e eles não têm uma formação religiosa muito definida (daí o alto índice de suicídios e desesperança do japonês).

Já no anime a coisa é bem definida: reencarnação é outra chance na Terra; vazio é o nada, acabou.
edubfr 
14546 cr points
Send Message: Send PM GB Post
25 / M / Rio de Janeiro
Offline
Posted 1/31/15
Já que no outro episódio ambos reencarnaram, acho que nesse os dois mereciam ir pro inferno.
7254 cr points
Send Message: Send PM GB Post
20 / M / São Paulo
Online
Posted 2/1/15
O cara não merecia ir pro inferno por que ele não fez mal a ninguém só a ele mesmo , mas não sei por que se matar se só chamar aquela mulher de mãe já era ótimo , mas fazer o que neh , ele foi pro céu então ta normal
edubfr 
14546 cr points
Send Message: Send PM GB Post
25 / M / Rio de Janeiro
Offline
Posted 2/1/15 , edited 2/1/15

pacelii wrote:

O cara não merecia ir pro inferno por que ele não fez mal a ninguém só a ele mesmo , mas não sei por que se matar se só chamar aquela mulher de mãe já era ótimo , mas fazer o que neh , ele foi pro céu então ta normal


Errado. Ele fez um mal TREMENDO pra família dele, incluindo a madrasta, que o ÚNICO sonho que ela tinha era ser chamada de mãe por ele, o que não vai ser mais possível pois ele cometeu SUICÍDIO sem NENHUM motivo (mesmo se tivesse motivo, seria injustificável).

Que pensamento é esse que se uma pessoa cometer suicídio ela não fez mal a ninguém?!

Merecia ir pro inferno sim.
7254 cr points
Send Message: Send PM GB Post
20 / M / São Paulo
Online
Posted 2/1/15
a cara eu não acho que suicídio e uma coisa a ser surreal , mas ele fez isso sem explicação ele mesmo se arrependeu você viu e tudo , já a outra ela batia em todos machucava por dentro todo mundo , só pensava nela e começou a pensar na família no fim e morreu por isso , mas o cara ele foi pro céu por algum motivo só que ele mesmo se arrependeu e isso já basta
edubfr 
14546 cr points
Send Message: Send PM GB Post
25 / M / Rio de Janeiro
Offline
Posted 2/1/15

pacelii wrote:

a cara eu não acho que suicídio e uma coisa a ser surreal , mas ele fez isso sem explicação ele mesmo se arrependeu você viu e tudo , já a outra ela batia em todos machucava por dentro todo mundo , só pensava nela e começou a pensar na família no fim e morreu por isso , mas o cara ele foi pro céu por algum motivo só que ele mesmo se arrependeu e isso já basta


O que a mulher fez não importa, ela não tinha relação com ele nem com a vida dele, o fato em questão foi a atitude dele.

Suicídio não é surreal.

Ela também se arrepende e quer voltar pros filhos. Arrependimento não basta e não é garantia de nada.

Ele prejudicou sim os outros, e muito. Isso é um fato. Merecia sim ir pro inferno.
33460 cr points
Send Message: Send PM GB Post
26 / M / São Paulo
Offline
Posted 2/1/15
Eu acho que se o Japão quer diminuir o numero de suicidas por lá, eles poderiam ter colocado ele pra ir pro inferno, assim os japas iriam pensar 2 vezes antes de cometer suicídio! \o
Redator de Notícias
15119 cr points
Send Message: Send PM GB Post
42 / M
Online
Posted 2/1/15 , edited 2/1/15


Se tomarmos por base a religião cristã você está certo edubfr: atentar contra a vida, própria e de outra pessoa, é proibido segundo as leis de Deus ("Não matarás"). Mas não se esqueça de que animes são feitos por e para japoneses, que lá não é um país cristão e que o conceito de céu e inferno para eles é vago.

Vamos analisar: será que o garoto que pulou da janela tinha consciência de que iria morrer? Sim, ele sabia, mas repito: na sua desesperança e no seu desespero ele tinha essa consciência? Um cara que dirija embriagado sabe que pode morrer no trânsito, mas não tem consciência da gravidade de seus atos. O problema dos jovens é que acham que nunca acontecerá algo mais grave com eles até que aconteça. O garoto também não deve ter dito uma educação religiosa que o dissesse que suicídio é um crime. Ignorância também deve ser levada em consideração no julgamento.

Quanto a ela, digo uma coisa: quando a porta do elevador se fecha o verdadeiro caráter da pessoa se revela. E ela fez uma cara de "não me arrependo de nada do que fiz". Sim, ela amava os filhos mas de um jeito meio duvidoso. No especial dos filhos, ela os chama de "fracos". Eles eram importantes para ela, desde que servissem aos seus propósitos. E enfiar a cara do garoto na tela do arcade não serve para mostrar a natureza negra dela?

Enfim, os dois se arrependeram do que fizeram. Mas, qual merecia realmente uma segunda chance? Ou que tal mandar os dois para o inferno então?

Sanchetos, nem todos os japoneses assistem animes. E os que assistem, depois que desligam a TV, voltam a viver sua vida infeliz de todos os dias: cobranças, bullying, desesperança... Como eu disse, a formação religiosa dos japoneses é falha, assim como os julgamentos do Decim. Mas até que eles são fortes, nós brasileiros não aguentaríamos o ritmo de estudo e trabalho que eles se forçaram a se acostumar.

edubfr 
14546 cr points
Send Message: Send PM GB Post
25 / M / Rio de Janeiro
Offline
Posted 2/1/15 , edited 2/1/15

FabioLuz wrote:



Se tomarmos por base a religião cristã você está certo edubfr: atentar contra a vida, própria e de outra pessoa, é proibido segundo as leis de Deus ("Não matarás"). Mas não se esqueça de que animes são feitos por e para japoneses, que lá não é um país cristão e que o conceito de céu e inferno para eles é vago.

Vamos analisar: será que o garoto que pulou da janela tinha consciência de que iria morrer? Sim, ele sabia, mas repito: na sua desesperança e no seu desespero ele tinha essa consciência? Um cara que dirija embriagado sabe que pode morrer no trânsito, mas não tem consciência da gravidade de seus atos. O problema dos jovens é que acham que nunca acontecerá algo mais grave com eles até que aconteça. O garoto também não deve ter dito uma educação religiosa que o dissesse que suicídio é um crime. Ignorância também deve ser levada em consideração no julgamento.

Quanto a ela, digo uma coisa: quando a porta do elevador se fecha o verdadeiro caráter da pessoa se revela. E ela fez uma cara de "não me arrependo de nada do que fiz". Sim, ela amava os filhos mas de um jeito meio duvidoso. No especial dos filhos, ela os chama de "fracos". Eles eram importantes para ela, desde que servissem aos seus propósitos. E enfiar a cara do garoto na tela do arcade não serve para mostrar a natureza negra dela?

Enfim, os dois se arrependeram do que fizeram. Mas, qual merecia realmente uma segunda chance? Ou que tal mandar os dois para o inferno então?

Sanchetos, nem todos os japoneses assistem animes. E os que assistem, depois que desligam a TV, voltam a viver sua vida infeliz de todos os dias: cobranças, bullying, desesperança... Como eu disse, a formação religiosa dos japoneses é falha, assim como os julgamentos do Decim. Mas até que eles são fortes, nós brasileiros não aguentaríamos o ritmo de estudo e trabalho que eles se forçaram a se acostumar.



Não estou argumentando com base em religião, e sim com base no impacto que ele causou na família dele.

Comentaram que ele não fez mal a ninguém e a outra fez. ERRADO. Ele fez sim, e muito! Ele acabou com o único sonho da nova esposa do pai dele, a machucou muito e, é claro, machucou também o próprio pai.

E sobre qual dos dois merecia uma segunda chance, isso não influencia em nada. Um reencarnar não condiciona o outro a ir pro vazio, já que sabemos que é possível os dois irem para o mesmo lugar, então ambos podem ir pro vazio, logo esse argumento não é válido, não importando as circunstâncias, logo não faz sentido comparar as atitudes de cada um.

Edit: sem falar que os juízes são passíveis de erro, como já mostrado no segundo episódio (o que pra mim já tinha ficado claro no primeiro), logo pra mim, nesse caso, o resultado foi o segundo erro cometido pelo juíz.
7254 cr points
Send Message: Send PM GB Post
20 / M / São Paulo
Online
Posted 2/1/15

edubfr wrote:


FabioLuz wrote:



Se tomarmos por base a religião cristã você está certo edubfr: atentar contra a vida, própria e de outra pessoa, é proibido segundo as leis de Deus ("Não matarás"). Mas não se esqueça de que animes são feitos por e para japoneses, que lá não é um país cristão e que o conceito de céu e inferno para eles é vago.

Vamos analisar: será que o garoto que pulou da janela tinha consciência de que iria morrer? Sim, ele sabia, mas repito: na sua desesperança e no seu desespero ele tinha essa consciência? Um cara que dirija embriagado sabe que pode morrer no trânsito, mas não tem consciência da gravidade de seus atos. O problema dos jovens é que acham que nunca acontecerá algo mais grave com eles até que aconteça. O garoto também não deve ter dito uma educação religiosa que o dissesse que suicídio é um crime. Ignorância também deve ser levada em consideração no julgamento.

Quanto a ela, digo uma coisa: quando a porta do elevador se fecha o verdadeiro caráter da pessoa se revela. E ela fez uma cara de "não me arrependo de nada do que fiz". Sim, ela amava os filhos mas de um jeito meio duvidoso. No especial dos filhos, ela os chama de "fracos". Eles eram importantes para ela, desde que servissem aos seus propósitos. E enfiar a cara do garoto na tela do arcade não serve para mostrar a natureza negra dela?

Enfim, os dois se arrependeram do que fizeram. Mas, qual merecia realmente uma segunda chance? Ou que tal mandar os dois para o inferno então?

Sanchetos, nem todos os japoneses assistem animes. E os que assistem, depois que desligam a TV, voltam a viver sua vida infeliz de todos os dias: cobranças, bullying, desesperança... Como eu disse, a formação religiosa dos japoneses é falha, assim como os julgamentos do Decim. Mas até que eles são fortes, nós brasileiros não aguentaríamos o ritmo de estudo e trabalho que eles se forçaram a se acostumar.



Não estou argumentando com base em religião, e sim com base no impacto que ele causou na família dele.

Comentaram que ele não fez mal a ninguém e a outra fez. ERRADO. Ele fez sim, e muito! Ele acabou com o único sonho da nova esposa do pai dele, a machucou muito e, é claro, machucou também o próprio pai.

E sobre qual dos dois merecia uma segunda chance, isso não influencia em nada. Um reencarnar não condiciona o outro a ir pro vazio, já que sabemos que é possível os dois irem para o mesmo lugar, então ambos podem ir pro vazio, logo esse argumento não é válido, não importando as circunstâncias, logo não faz sentido comparar as atitudes de cada um.

Edit: sem falar que os juízes são passíveis de erro, como já mostrado no segundo episódio (o que pra mim já tinha ficado claro no primeiro), logo pra mim, nesse caso, o resultado foi o segundo erro cometido pelo juíz.





Concordo com o Fabio , as consequências não foram pensadas entre outros, mas falar do erro do juiz e outra coisa , pra mim o juiz não errou ou coisa parecida ele fez o certo ele viu a alma negra que estava sendo julgada e dali tirou base para ver aonde mandar , agora não sei o por que dele ter se suicidado , mas fazer o que neh , bola pra frente ...
edubfr 
14546 cr points
Send Message: Send PM GB Post
25 / M / Rio de Janeiro
Offline
Posted 2/1/15 , edited 2/1/15
Meu deus.. vcs estão justificando ele reencarnar pq a mulher foi pro vazio, digo novamente, um não está ligado ao outro, não é condicionado, os dois podem ir pro mesmo lugar, então ela ir pro vazio não quer dizer que ele necessariamente tem q reencarnar.

Em momento algum estou dizendo que ela deveria reencar e ele ir pro vazio, não precisam falar sobre ela. Pra mim, ambos mereciam ir pro vazio.
27803 cr points
Send Message: Send PM GB Post
24 / M
Online
Posted 2/2/15 , edited 2/2/15
Eu acho que o julgamento do Decim foi certo, porque o homem mostrou arrependimento no final pelo suicídio e pela forma como tratou a mãe adotiva e a mulher não conseguiu enxergar os seus próprios defeitos. Ela sofreu, mas tomou decisões erradas que levaram a esse sofrimento e não vi ela admitindo ou se arrependendo disso, somente se colocando como vitima.





Não estou dizendo que é errado conseguir um homem pra se relacionar, mas tem que fazer isso com responsabilidade e, em outros momentos, mostrou que ela não estava cuidando bem dos vários filhos.

Além disso o comportamento durante o jogo é algo crucial e não há dúvidas de que ela demostrou a pior personalidade.



edubfr 
14546 cr points
Send Message: Send PM GB Post
25 / M / Rio de Janeiro
Offline
Posted 2/2/15 , edited 2/2/15
Então é só se arrepender que tá tudo ok? Que fácil..

E, digo novamente, ela ter sido pior que ele NÃO AFETA, visto que o destino de um não condiciona o destino do outro. Até pq ninguém está questionando as atitudes dela, óbvio que deveria ir pro vazio..
27803 cr points
Send Message: Send PM GB Post
24 / M
Online
Posted 2/2/15 , edited 2/2/15

edubfr wrote:

Então é só se arrepender que tá tudo ok? Que fácil..

E, digo novamente, ela ter sido pior que ele NÃO AFETA, visto que o destino de um não condiciona o destino do outro. Até pq ninguém está questionando as atitudes dela, óbvio que deveria ir pro vazio..


Ninguém aqui está dizendo que alguém precisa ir para o vazio e outro para a reencarnação, todos vimos o último episódio, que mostra que todos tem a chance de ir para o vazio ou reencarnação. É natural comparar ela com ele por causa do contraste entre o comportamento do dois.

Não é questão de ser fácil ou não, o que se espera de uma pessoa que se arrepende de verdade é que ela aprenda com seus erros e não os cometa mais, dessa forma fazendo com que ela evolua.

Esse julgamento pós-morte busca que os seus participantes caminhem na direção da redenção, a libertação dos pecados através do sacrifício e a dor do arrependimento pode ser uma forma de mostrar que os erros e comportamentos falhos foram reconhecidos e que se vai procurar corrigir esses desvios.


Sanchetos wrote:
ainda fico com duvida em uma coisa quando a pessoa vai para a ressurreição. quer dizer que ele ressuscita(vai de volta pro mundo real) ou ele vai pro céu?


Pelo o que eu entendi é reencarnação, que significa nascer em um novo corpo.
First  Prev  1  2  3  4  5  6  7  Next  Last
You must be logged in to post.