First  Prev  1  2  Next  Last
Post Reply Hideaki Anno diz que indústria dos animes vai acabar
4264 cr points
Send Message: Send PM GB Post
18 / M / Fortaleza
Offline
Posted 5/25/15 , edited 5/25/15
Olá!

http://omelete.uol.com.br/series-tv/noticia/evangelion-criador-da-serie-diz-que-industria-dos-animes-vai-acabar/

Bom, ele não disse exatamente isso, mas disse que a indústria dos animes como conhecemos está com os dias contados.
Eu não tenho conhecimento suficiente para falar sobre isso, mas o que ele disse tem lá suas verdades, enfim... leiam a notícia.

Vocês concordam? Ou não? E o que você acha que pode acontecer com a indústria japonesa de animação nos próximos anos?
Redator de Notícias
33471 cr points
Send Message: Send PM GB Post
28 / M / Rio de Janeiro
Offline
Posted 5/25/15
Esse cara é tipo o Pelé lá do Japão, só abre a boca pra falar M****.
4264 cr points
Send Message: Send PM GB Post
18 / M / Fortaleza
Offline
Posted 5/25/15

portugassis2 wrote:

Esse cara é tipo o Pelé lá do Japão, só abre a boca pra falar M****.
kkkk não acho que ele falou tanta merda, mas ele foi radical demais.

7422 cr points
Send Message: Send PM GB Post
24 / M
Offline
Posted 5/25/15
A chamada da matéria não tá muito correta. O próprio Hideaki diz o seguinte na reportagem: "Não acho que ela vai desaparecer. Mas, talvez, não haverá mais as condições necessárias para criar filmes interessantes, o que existe até agora."

E bom, não acho que faz muito sentido. A qualidade de animação é uma coisa discutível, mas a criatividade é uma característica humana e infinita. Madoka tá aí pra dizer que é possível surpreender através de uma história diferente e bem feita mesmo nos dias atuais. E se alguém pensou numa história interessante em 2011, pq não pensariam em 2020, 2030? Não acho que a criatividade humana irá diminuir/desaparecer.
27805 cr points
Send Message: Send PM GB Post
24 / M
Offline
Posted 5/25/15
Acho difícil acabar, anime sem dúvida é algo que faz parte da cultura japonesa, já é tradição, tem gente nessa indústria que só ganha o suficiente para para as contas e mesmo assim continua.
Portuguese Moderator
28122 cr points
Send Message: Send PM GB Post
30 / M / Pernambuco/Alagoas
Offline
Posted 5/25/15 , edited 5/25/15
Eu concordo com o Portuga, na maior parte do texto o Anno só falou besteira!

A verdade é simples! A ultima animação de Taiwan que assisti foi essa merda aqui:


O problema de produções chinesas de quaisquer tipo é que, por algum motivo, falta carga cultural nas estórias. Elas sempre são simples ou incompletas, ou rasas demais. Mal dá pra acompanhar, e isso quando dá.

Então, por mais que a industria de animação japonesa esteja em crise, enquanto não houver concorrente a altura, ainda ainda estará no TOP da animação com mais influencia sobre a cultura popular pelo mundo, dividindo espaço com a quase imatável Disney.

Além disso o maior problema deles não é a falta de animadores. Mas sim a falta de público! Os japoneses ainda estão um tanto perdidos em como lidar com o publico infanto/juvenil cada vez menor e somente agora estão começando a descobrir novos mercados além do Japão, pois eles sempre foram xenófobos demais para terem se preparado para isso antes e agora não estão sabendo direito o que fazer.

Por isso sempre aparece alguém dizendo o que dá na telha. Mas nenhum deles sabe realmente o que fazer.
2056 cr points
Send Message: Send PM GB Post
Offline
Posted 5/25/15
porque nenhum canal do brasil pega alguns dos animes bons dos novos (pelo menos do ano 2000 pra cá) pra passar? aposto que teria boa audiencia e ganhariam bem com as propagandas
933 cr points
Send Message: Send PM GB Post
41 / M
Offline
Posted 5/25/15 , edited 5/28/15

MistressAva wrote:

porque nenhum canal do brasil pega alguns dos animes bons dos novos (pelo menos do ano 2000 pra cá) pra passar? aposto que teria boa audiencia e ganhariam bem com as propagandas
porque eles só tem espaço pra porcarias, é só notar como anime hoje é só em streaming

GIFTbr 
27242 cr points
Send Message: Send PM GB Post
33 / M
Offline
Posted 5/26/15
O anime/manga ta tendo o mesmo rumo que os jogos para vídeo game, ambos tem tudo em comum se tratando na guinada que ambos fizeram, estão fazendo e irão fazer, a unica diferença é que o mercado do vídeo game ta um pouco mais adiantado do que o do anime/manga.

Antigamente tinha anime/manga excelentes com 6 episódios (igual os jogos completos da era pre internet no vídeo game), dai chegou a época que anime/manga tinha mais temporadas/spinoffs e ovas/edições especiais (igual os jogos que tinham CDs de expansões com conteúdo extra), hoje em dia tem esse monte de manga/anime com 500 mil episódios/capítulos cheios de bobagens, (igual os jogos com 40 mil DLCs), os jogos então deram mais um passo e estão extinguindo qualquer titulo que não seja lucro certo e migrando pra casuais android, isso pode ser o equivalente a serviços como o CR e a falta de novidade nas tramas e enredos.

Dai quando aparece um ou outro anime foda, vem um infeliz e posta um spoiler futuro e tira toda a graça de assistir, quem tiver tempo, vote no meu tópico, se der na telha, faça um comentário que é até melhor, segue o link:

http://www.crunchyroll.com/forumtopic-898581/spoilers-com-revelaes-da-histria-ainda-no-lanada-mesmo-quando-sob-a-tag-spoiler-vindo-de-quem-j-assistiu-o-anim
GIFTbr 
27242 cr points
Send Message: Send PM GB Post
33 / M
Offline
Posted 5/26/15
Outra coisa que me veio a mente relendo meu post:

A industria do cinema de hollywood também sofreu um declínio de novidades e aumento de bobagens:

Antigamente os filmes eram sempre novidade, com assuntos totalmente diferentes um do outro, eles duravam em media 40-60min e quase nunca tinham continuações, só os considerados não tão bons assim.

Então o investimento se focou mais em onde vinha o dinheiro e os filmes passaram a ter 1 continuação e duração media de 60-90min, isso diminuiu um pouco os filmes com assuntos mais individuais, e por sua vez mais interessantes de se ver.

Dai o invertimento viu que a re-utilização era o caminho pra mais dinheiro, e os filmes passaram a ser no minimo uma trilogia, adaptação de livros já bem sucedidos, e remakes de sucessos antigos, agora com uma qualidade incrivelmente superior ao seu original de 20 anos atras onde cada filme da trilogia tem media de 120-180min, isso quase extinguiu a criatividade para novos assuntos e temas interessantes dos filmes da era de ouro do cinema.

Hoje o cinema evoluiu ainda mais no copiamento e na quantidade de bobagem encheção de linguiça, criando filmes que não são sequencias, são universos estendidos de um mesmo tema, com trilogias duplas, mais adaptações se encaixando em mais trilogias e universos estendidos, e os remakes de sucessos antigos apenas se a tecnologia atual fizer um grande impacto na produção.

Por isso que tem Velozes e Furiosos 12, Transformers 7, mais filmes do Star Wars, Robocop, toda a leva de filmes da Marvel e DC e por ai vai.

Talvez o mercado do anime/manga não se espelhe apenas no mercado de vídeo game, mas também no mercado dos filmes de hollywood.
162 cr points
Send Message: Send PM GB Post
31 / M / São Paulo - SP
Offline
Posted 5/26/15 , edited 5/26/15
yuriccp citou só a China que tentando engatinha, e faltou sobre aos animes da Coreia do sul, e mais quais outros países que futuramente acha pode talvez concorrer de igual ao japão em animes.

E acho o máximo pode em futuro que a maioria dos canais de países do exterior estando fora do japão pode acontecer das tv internacionais na maioria do mundo compra cada vez menos o direito de transmissões dos animes japas a cada ano que passar, mais por causa do alto custo.


MistressAva wrote:

porque nenhum canal do brasil pega alguns dos animes bons dos novos (pelo menos do ano 2000 pra cá) pra passar? aposto que teria boa audiencia e ganhariam bem com as propagandas


MistressAva isso se chama corte de custos dos canais do brasil que decidem as tvs se gastam dinheiro com isso sim ou não e infelizmente na maioria das vezes recusam, o seja o culpado são os donos das tvs.

E também em momento atual a péssima administração seja por parte dos distribuidores locais como do brasil e estúdios de animes não inventam ideias , novos markets pra pessoal interessar mais por seus produtos.

E tais titulos de animes do japão seja os inéditos que até o momento não passou por todas midias pelo brasil pode ser de qualquer décadas 1970, 1980, 1990, 2000, 2010 por mais pouco oferta que seja tem no mínimo o custo mais que aproximadamente o dobro, triplo do que a maioria de outros tipos de animações sendo os cartoons, series teens dos eua, canada, europa que só estão a muito tempo no ar por que são mais baratos. Se donos dos direitos dos animes cobra-se por esse valor barato acho que as tvs brasileira estaria com mais programação de animes do que outros tipos de programações ocidentais, que é melhor receber pouco, do que cobra caro e não ter nada até o final das idades de vida dos responsáveis dos distribuidores, autores por países pelo exterior sem faturar em tais alguns países como aqui pelo brasil.

Se não tem jeito de abaixa os valores, pra negociar com a televisão do brasil , principalmente na tv aberta só aceitaria fácil aos animes caso o distribuidor muda os contratos com os estúdios de animes se topam e oferece de graça os episódios de tais titulos de anime pra tais emissoras brasileiras transmitir em troca está alguns comercias dos lançamentos dos home video em DVD/BD dos animes.

E o distribuidor do brasil fazer um market tipo quando tá exibindo de graça os episódios de animes naquela tal tv vai ter jogo de letras e numeros pra descobrir os códigos que vai ser exibido em gifs nos cantos da tela da emissora na hora tá exibindo cada episódio do anime.

Após penúltima senha em uma semana de exibição dos animes na tv , a ultima parte do código vai ser apresentado em tal horário pelo facebook oficial do distribuidor pra pessoal que cuida das exbições na tv não saber todos códigos antes pra não acontece fraude, a quem responder primeiro todos códigos apresentados em ordem na tv e web pelo recado do facebook o ganhador tem prêmio seja caso tem box de tal anime recebe seja 1 boneco action figure sendo 1 box DVD ou BD ou video game caso comprou 2 box DVD ou BD de qualquer anime sendo desse distribuidor e se tiver 3 BOX em dvd/bd tem 2 prêmios o video game e action figure . Mas pra prêmio valer tem compra os dvd/bds oficias com a nota fiscal de compra com 1 dia antes de anuncia o novo ganhador(a).

Se tais distribuidores locais aqui do brasil faz essa ideias, planos parecidos que citei, acredito beneficiaria tanto o ibope alto do anime pra tal emissora aberta que pode aumenta os anunciante por causa da muita audiência , e mais ter sucesso o distribuidor do anime na tv que esse tipo de jogo de letra e numeros pra formar o codigo que ajudaria muito em vender muitas copias originais de dvd e bd que o lucro seria mais alto, em trocar do que fazem infelizmente na realidade de simplesmente tentar negociar sem sucesso por muito tempo com esses canais de tv daqui por preço caro pra exibição dos animes, que isso é prejuízo todo ano sem faturar pelo brasil.


22135 cr points
Send Message: Send PM GB Post
Offline
Posted 5/26/15
Nussa... sem querer parecer ser chato, mas já sendo. Cruel ler os comentários aqui no cruncy fantasma (ignorem a piada interna), pessoal tem que colocar um pouquinho a mão na consciência antes de sair falando o que vem a mente. Eu posso até falar um monte de bobagem, mas tem gente forçando demais a amizade hein?

Vou colar o comentário que fiz nesse post propondo um debate sobre o mesmo assunto discutido aqui:

http://navebebop.blogspot.com.br/2015/05/hideaki-anno-sera-que-realmente-e-o-fim.html#.VWShs89VhBd

"Muito interessante, vi alguém comentando sobre essa noticia do Omelete ontem, que aliais vai bem de encontro com outras coisas que vi sendo discutidas recentemente, e fiquei pensando a respeito.

Sinceramente, essas previsões apocalípticas são meio problemáticas porque no final das contas o mundo nunca acaba, mas! O que parece ser de fato o grande problema é que por causa da crise econômica (supostamente, porque pra mim isso é muito mais devido a falta de ousadia dos empresários que retem o poder, o dinheiro, em sair da estagnação da zona de conforto), os animadores, que são a base da industria, estão cada vez mais sendo desestimulados ao trabalho.

Seja por baixos salários, condições ruins ou mesmo a falta de perspectivas futuras. E embora esse pessoal seja só o "pião" da industria, tanto que logo de cara foram simplesmente terceirizar esse serviço pra mão de obra escrava infantil na China, eles também são a força motriz criativa por trás dela.

Isso é, o cara que faz o frame dos coadjuvantes passando lá no fundo hoje, é o mesmo que algum dia depois de ralar pra caramba e adquirir muita experiencia vai eventualmente se tornar um diretor famoso.

Posso estar falando bobagem, mas acho que é isso o que Hideaki Anno quis dizer com "não haverá mais as condições necessárias para criar filmes interessantes, o que existe até agora", até porque se não me engano foi mais ou menos essa a trajetória dele. Mesmo que apenas uma pequena parcela desse pessoal que começa lá de baixo consiga crescer e se destacar, quanto menas gente se interessando em ingressar na carreira mais o futuro de toda a industria fica um tanto quanto obscuro.

Como sempre a ambição apenas pela ambição e a covardia da classe dominante que já retem quase todo o pode pra si, coloca um "movimento artístico" legal a perder, mas! Como as coisas não são assim tão simples, também não da pra querer que os investidores, que colocam seu dinheiro nos projetos, não queiram receber mais dinheiro por eles.

Outro fato que acho importante ressaltar nessa equação maluca toda, é que me parece que os japoneses não tem o costume de levar em conta o resto do mundo quando eles pensam em fazer negócios, como se não existisse nada alem do mercado interno e tudo que vem de fora é apenas e tão somente um extra.

Pra mim, as vezes, é como se o Japão tivesse fechado seus portos de novo. Não apenas referente ao anime, mas outras vertentes da industria do entretenimento e de tecnologia também. Já passou da hora deles começarem a levar em conta o mercado externo, e parte da solução desse problema passa por isso, afinal, porque o enlatado americano é tão bem recebido no mundo inteiro e o japonês não?

Enfim, tentar discutir sobre as causas dessa questão é uma coisa, já sobre como o cenário vai evoluir é outra historia... prefiro acreditar que eles vão conseguir se reinventar de alguma forma de novo. Com certeza as condições e a criatividade pra isso eles tem, como você disse basta saber se vão ter tempo pra isso ou se vão acabar engolidos pro algum outro império em ascensão como o Anno previu."

Só fazendo um adento pra alem do que eu comentei lá, a industria do anime não chegou onde está agora de uma hora pra outra, com certeza foi preciso muita gente apaixonada pra criar as fundações do que existe hoje (coisa que com o tempo pode acontecer em qualquer lugar). Mas se a própria industria sufocar o seu berçário de talentos, quando as cabeças criativas por trás dela no presente saírem da ativa, quem vai assumir o lugar deles?

É só pegar o Ghibli como exemplo, pouco tempo depois que Hayao Miyazaki se aposentou eles decidiram "interromper temporariamente" a produção de longas. Inclusive se não me engano o próprio Miyazaki tinha cotado ou queria Anno como seu sucessor. Mas ele também não é exatamente um cara jovem.

O que Hideaki Anno disse faz sentido, mas não vai ser na próxima temporada ou na depois dela que isso vai começar a acontecer. É um problema a médio e longo prazo, pode até acontecer de surgir gente pra substituir as mentes criativas de hoje, mas do jeito como a animação está sendo cada vez mais terceirizada pra fora do Japão, vai ficar cada vez mais difícil de surgir talentos pra fazer essa roda girar.

Como ainda vai demorar um pouco, pode ser que alguma coisa aconteça pra mudar isso. Mas de qualquer jeito como o Anno mesmo disse: "A animação japonesa já está em declínio. E, quando acabar, provavelmente vai ressurgir.", o anime não vai acabar.
27805 cr points
Send Message: Send PM GB Post
24 / M
Offline
Posted 5/26/15 , edited 5/26/15
Ele citou basicamente dois motivos para esse declínio, o aumento da produção e riqueza de outros países asiáticos e o número menor de animadores no Japão. Se for apenas esses os motivos, ainda acho que não há razão e que é um exagero falar sobre um suposto fim da indústria.

Por que? Primeiro que o grande público que de fato compra e gasta com artigos oficiais relacionados aos animes, gerando de fato a maior renda da indústria, está no próprio Japão e eles compram por serem algo feito para os gostos deles. Quem mais no mundo vai querer completar suas séries favoritas da temporada comprando blu-rays com apenas três episódios, cada um por 70 dólares, toda temporada? Grande parte do motivo pelo qual as pessoas gostam de anime é justamente por causa dos detalhes e características japonesas que existem neles, os países que forem avançar nessa industria dificilmente vão conseguir criar algo original e único e, mesmo se criassem, eles iriam com isso criar um novo mercado e não apelar para o já existente. Quem gosta de anime gosta pelas minúcias japonesas, ainda mais se quem estiver assistindo for um japonês. Alguém aqui vê com o mesmo afinco as várias séries de animação americanas, um país que também tem tradição em animação e é inúmeras vezes mais rico que os tigres asiáticos? Pois é, não é a mesma coisa. A animação que estamos atrás é a animação característica do Japão.

Se a indústria está perto de seu fim por causa do avanço dos outros países, cadê os grandes animes dos outros países asiáticos? Eu me considero uma pessoa atualizada nesse meio e mesmo assim não consigo citar um titulo ou nome de personagem de um anime que foi feito nesses países.

Quanto a questão de ter menos animadores no Japão, se ele está se referindo a quem faz os vários frames, quem assistiu Shirobako ou já viu alguma coisa sobre a indústria sabe, essa profissão é hierarquicamente uma das mais baixas que tem e está cada vez mais sendo terceirizada para outros países, porém isso não afeta no fator criativo do anime, talvez na qualidade da animação.

Eu acho sim que está tendo um fluxo alto de animes que jogam seguro, não arriscam em tentar algo novo e apenas fazem o que já se sabe que dá certo, mas não acho que isso seja o suficiente para afirmar que a industria está chegando ao seu fim. Também não é surpresa para mim ver Hideaki Anno sendo pessimista e, apesar de gostar da franquia Evangelion, não considero ele tudo isso que as pessoas falam, pois ele nunca mais fez algo que chegasse perto dessa franquia e está fazendo uma bagunça com o remake, apesar de ter gostado muito da trilha sonora.
22135 cr points
Send Message: Send PM GB Post
Offline
Posted 5/26/15
Hum... eu concordo e discordo de você. Eu também assisto anime pelas nuances características do seu dna japonês (não só por isso mas admito que é sim um grande atrativo a parte pra mim), mas e quanto ao grande publico (justamente o melhor da mídia pode se tornar o pior quando ele acaba virando uma barreira pra quem não está acostumado)? Por mais que os animes sejam feitos pelos japoneses e para os japoneses, o publico mais hard, o cara assexuado que vive só pelo hobby não vai viver pra sempre, sera que esse fenômeno da cultura otaku é sustentável?

Até que ponto a terceirização da animação não afeta no surgimento de novos talentos? Quando esses outros países começarem a crescer em produção, até porque eles estão apenas ganhando mais experiencia a cada novo trabalho que os estúdios japoneses delegam pra baratear custos, sera que eles vão tentar se "apropriar da estética do anime" ou vão criar sua própria identidade que eventualmente vai acabar batendo de frente com ela?

Sobre Evangelion a verdade é que, independente da qualidade ou do gosto, nenhum anime desde então causou o mesmo impacto. É claro que existem series tão boas quanto ou até melhor, mas nenhuma delas teve a influencia sobre toda a industria como ela.

O que exatamente isso significa eu não sei. Eu não acredito que o anime vai acabar, mas na pior das hipóteses pode ser que as obras originais fiquem cada vez mais raras. Uma pena, porque normalmente é o que de melhor o anime tem a oferecer.
Portuguese Moderator
28122 cr points
Send Message: Send PM GB Post
30 / M / Pernambuco/Alagoas
Offline
Posted 5/26/15
Roubando um frase da Wikipedia para a maior parte dos argumentos aqui citados:
(Carecem de Fontes)

Sem mais.
First  Prev  1  2  Next  Last
You must be logged in to post.