First  Prev  1  2  Next  Last
Post Reply Hideaki Anno diz que indústria dos animes vai acabar
30082 cr points
Send Message: Send PM GB Post
33 / M
Offline
Posted 5/27/15 , edited 5/27/15

ClaudO_O wrote:

MistressAva isso se chama corte de custos dos canais do brasil que decidem as tvs se gastam dinheiro com isso sim ou não e infelizmente na maioria das vezes recusam, o seja o culpado são os donos das tvs.

E também em momento atual a péssima administração seja por parte dos distribuidores locais como do brasil e estúdios de animes não inventam ideias , novos markets pra pessoal interessar mais por seus produtos.

E tais titulos de animes do japão seja os inéditos que até o momento não passou por todas midias pelo brasil pode ser de qualquer décadas 1970, 1980, 1990, 2000, 2010 por mais pouco oferta que seja tem no mínimo o custo mais que aproximadamente o dobro, triplo do que a maioria de outros tipos de animações sendo os cartoons, series teens dos eua, canada, europa que só estão a muito tempo no ar por que são mais baratos. Se donos dos direitos dos animes cobra-se por esse valor barato acho que as tvs brasileira estaria com mais programação de animes do que outros tipos de programações ocidentais, que é melhor receber pouco, do que cobra caro e não ter nada até o final das idades de vida dos responsáveis dos distribuidores, autores por países pelo exterior sem faturar em tais alguns países como aqui pelo brasil.

Se não tem jeito de abaixa os valores, pra negociar com a televisão do brasil , principalmente na tv aberta só aceitaria fácil aos animes caso o distribuidor muda os contratos com os estúdios de animes se topam e oferece de graça os episódios de tais titulos de anime pra tais emissoras brasileiras transmitir em troca está alguns comercias dos lançamentos dos home video em DVD/BD dos animes.

E o distribuidor do brasil fazer um market tipo quando tá exibindo de graça os episódios de animes naquela tal tv vai ter jogo de letras e numeros pra descobrir os códigos que vai ser exibido em gifs nos cantos da tela da emissora na hora tá exibindo cada episódio do anime.

Após penúltima senha em uma semana de exibição dos animes na tv , a ultima parte do código vai ser apresentado em tal horário pelo facebook oficial do distribuidor pra pessoal que cuida das exbições na tv não saber todos códigos antes pra não acontece fraude, a quem responder primeiro todos códigos apresentados em ordem na tv e web pelo recado do facebook o ganhador tem prêmio seja caso tem box de tal anime recebe seja 1 boneco action figure sendo 1 box DVD ou BD ou video game caso comprou 2 box DVD ou BD de qualquer anime sendo desse distribuidor e se tiver 3 BOX em dvd/bd tem 2 prêmios o video game e action figure . Mas pra prêmio valer tem compra os dvd/bds oficias com a nota fiscal de compra com 1 dia antes de anuncia o novo ganhador(a).

Se tais distribuidores locais aqui do brasil faz essa ideias, planos parecidos que citei, acredito beneficiaria tanto o ibope alto do anime pra tal emissora aberta que pode aumenta os anunciante por causa da muita audiência , e mais ter sucesso o distribuidor do anime na tv que esse tipo de jogo de letra e numeros pra formar o codigo que ajudaria muito em vender muitas copias originais de dvd e bd que o lucro seria mais alto, em trocar do que fazem infelizmente na realidade de simplesmente tentar negociar sem sucesso por muito tempo com esses canais de tv daqui por preço caro pra exibição dos animes, que isso é prejuízo todo ano sem faturar pelo brasil.




Acho que o maior motivo de não passar anime na TV atualmente é
1- por conta de como ficou nossa censura, basta lembra que a Band teve processo por conta do OVA de Tenshi Muyo.
2- Infelizmente a venda dos direitos dos animes são vendidos para as distribuidoras US e depois dela picotarem ai vendem os direitos para nós, isso fez uma galera parar de ver os anime na TV aberta (ou até mesmo fechada, vide as falecidas Animax e Locomotion) e mesmo quando não ocorre isso (a censura), o pessoal prefere fazer o download de subs (vide ponto 3).
3- Animes é um grupo muito de nicho se você parar para pensar, aqui o pessoal tem a ideia que é melhor e mais rápido baixar do que assistir numa TV ou pagar pelo produto em si. Basta ver aqui no próprio crunch onde sempre tem comentários "Eu não vou pagar a assinatura, eu prefiro baixar" e etc.
933 cr points
Send Message: Send PM GB Post
41 / M
Offline
Posted 5/27/15 , edited 5/28/15

Kakashi_sjc wrote:


2- Infelizmente a venda dos direitos dos animes são vendidos para as distribuidoras US e depois dela picotarem ai vendem os direitos para nós, isso fez uma galera parar de ver os anime na TV aberta (ou até mesmo fechada, vide as falecidas Animax e Locomotion) e mesmo quando não ocorre isso (a censura), o pessoal prefere fazer o download de subs (vide ponto 3).
3- Animes é um grupo muito de nicho se você parar para pensar, aqui o pessoal tem a ideia que é melhor e mais rápido baixar do que assistir numa TV ou pagar pelo produto em si. Basta ver aqui no próprio crunch onde sempre tem comentários "Eu não vou pagar a assinatura, eu prefiro baixar" e etc.
hoje em dia só baixam anime se for versão DVD/BD ou não tiver no Crunchy ou outro canal, se informe melhor
30082 cr points
Send Message: Send PM GB Post
33 / M
Offline
Posted 5/27/15

raulchaser wrote:


Kakashi_sjc wrote:


2- Infelizmente a venda dos direitos dos animes são vendidos para as distribuidoras US e depois dela picotarem ai vendem os direitos para nós, isso fez uma galera parar de ver os anime na TV aberta (ou até mesmo fechada, vide as falecidas Animax e Locomotion) e mesmo quando não ocorre isso (a censura), o pessoal prefere fazer o download de subs (vide ponto 3).
3- Animes é um grupo muito de nicho se você parar para pensar, aqui o pessoal tem a ideia que é melhor e mais rápido baixar do que assistir numa TV ou pagar pelo produto em si. Basta ver aqui no próprio crunch onde sempre tem comentários "Eu não vou pagar a assinatura, eu prefiro baixar" e etc.
hoje em dia só baixam anime se for versão DVD/BD ou não tiver no Crunchy ou outro canal, se informe melhor

Vc só pode está de zuera sobre eu me informar melhor. Se fosse assim não veríamos os mesmos animes daqui em subs e não falo da versão DVD/BD.
E pegando o exemplo que vc falou "so baixa se for versao DVD/BD", isso tbm diminui o target comercial do anime.
22135 cr points
Send Message: Send PM GB Post
Offline
Posted 5/27/15

yuriccp wrote:

Roubando um frase da Wikipedia para a maior parte dos argumentos aqui citados:
(Carecem de Fontes)

Sem mais.


Putz... seu comentário faz todo sentido do mundo... ainda mais quando não da pra confiar direito no que alguém de dentro da própria industria fala... mas também, como a gente não pode fazer nada alem de ficar especulando mesmo, então...

11096 cr points
Send Message: Send PM GB Post
39 / M / Gravataí
Offline
Posted 5/29/15 , edited 5/29/15
Pelo o que eu entendi da entrevista, o Hideaki Anno se queixa da forma como a indústria japonesa está desmotivando o surgimento de novos animadores. Teve uma matéria que falava justamente da absurda carga de trabalho que passava de 12 horas e a baixa remuneração em relação o outras profissões. Boa parte do que é produzido é feito por mão-de-obra terceirizada de estúdios de Taiwan, Coréia do Sul e China. E isso tem se refletido em animes que perdem a qualidade no meio da série; só para cumprir o cronograma.

Dentro da perspectiva do criador de Evangelion que acompanha o dia-a-dia do que ocorre no mercado e entre os animadores, ele pode estar com a razão.
4167 cr points
Send Message: Send PM GB Post
Offline
Posted 5/29/15

Landreo wrote:

Pelo o que eu entendi da entrevista, o Hideaki Anno se queixa da forma como a indústria japonesa está desmotivando o surgimento de novos animadores. Teve uma matéria que falava justamente da absurda carga de trabalho que passava de 12 horas e a baixa remuneração em relação o outras profissões. Boa parte do que é produzido é feito por mão-de-obra terceirizada de estúdios de Taiwan, Coréia do Sul e China. E isso tem se refletido em animes que perdem a qualidade no meio da série; só para cumprir o cronograma.

Dentro da perspectiva do criador de Evangelion que acompanha o dia-a-dia do que ocorre no mercado e entre os animadores, ele pode estar com a razão.


Resumindo, é isso mesmo.

E o problema é bem simples, como alguns já perceberam. Pra que você chegue no patamar de um Miyazaki, você precisa ralar muito nas baixas posições da indústria. Como todo país que perde o momentum, o que acontece com o Japão é que ele não tem exatamente como oferecer mais estimulos em forma de melhor remuneração pros profissionais de lá, que por sua vez não se contentariam com condições de dez ou vinte anos atrás.
Isso é praticamente um retelling do caso "esposas da EA" que aconteceu no mundo dos games alguns anos atrás: pessoas trabalhando demais, ganhando pouco.

Como resultado, os estúdios japoneses contratam estúdios estrangeiros, e ao mesmo tempo que esses são mais exploráveis e baratos, ainda sim são eles quem estão ralando todo dia e pegando experiência com animação. E eles estão melhorando, ja ví curtas de animação chineses serem extremamente aplaudidos por qualidade excelente de animação. Conforme essas pessoas que hoje são animadores vão ganhando reconhecimento, logo alguns se tornam diretores, abrem os próprios estúdios, e por aí vai.


De forma mais tl;dr ainda, ele quis dizer que as chances do próximo Miyazaki ser chinês ou coreano aumentam, enquanto as chances dele ser japonês diminui. Também quer dizer que logo estúdios mais experientes desses países passarão a produzir séries próprias com o conhecimento e prática adquiridos agora, sem precisar mais do aval japonês.
Portuguese Moderator
28122 cr points
Send Message: Send PM GB Post
30 / M / Pernambuco/Alagoas
Offline
Posted 5/30/15 , edited 5/30/15

Landreo wrote:

Pelo o que eu entendi da entrevista, o Hideaki Anno se queixa da forma como a indústria japonesa está desmotivando o surgimento de novos animadores. Teve uma matéria que falava justamente da absurda carga de trabalho que passava de 12 horas e a baixa remuneração em relação o outras profissões. Boa parte do que é produzido é feito por mão-de-obra terceirizada de estúdios de Taiwan, Coréia do Sul e China. E isso tem se refletido em animes que perdem a qualidade no meio da série; só para cumprir o cronograma.

Dentro da perspectiva do criador de Evangelion que acompanha o dia-a-dia do que ocorre no mercado e entre os animadores, ele pode estar com a razão.


Há tá agora faz sentido. Na verdade o foco dele é "exclusivo" na animação. De fato, se for assim, as coisas realmente fazem todo os sentido.

Eu tinha entendido a coisa num contexto geral.
9 cr points
Send Message: Send PM GB Post
Offline
Posted 5/30/15
É impossível tal indústria acabar, pelo menos no sentido de não existir.
Para isso todos os governos do mundo teriam que se unir e proibir a circulação de Animes, mesmo que isso ocorre-se ainda existiria o mercado negro.

O que não existirá seria grandes Mangakas, pessoas interessadas em Mangas, Animes.

Não, a culpa não é dos piratas, nem dos sites de Fansub, mas da própria indústria e usuários que não levam a sério a ideia Otaku.

Maioria associa animes ao público infanto-juvenil, colocam animes censurados e cortados para exibir, não favorecem a indústria nacional e a produção de animes além do Japão.

Os jogos também eram vistos dessa forma, porém graças ao Youtube, apoio de empresas, Campeonatos ele deixou de ser visto como algo sem importância, começou até mesmo a ser considero jogo olímpico.

Antes jogos eram relacionados somente ao público adolescente e infantil, hoje se dedicam a pessoas de todas idades e credos.

Isso certamente incentivou o crescimento da indústria, mas a maioria dos Otakus prefere desdenhar o trabalho dos artistas, não na questão de pagar, mas em relação ao que ele significa. Tal como eu citei nos jogos.
GIFTbr 
27242 cr points
Send Message: Send PM GB Post
33 / M
Offline
Posted 5/30/15
SyDLain Se ta meio errado nas ideias ai...

Os Fansubs/scanlators do anime/manga tem o mesmo papel na industria otaku que as fitas, cds e mp3 pirata tiveram na industria da musica, e posso te afirmar dada varias pesquisas e fatos que isso foi um bom empurrão pro declinio do mercado musical, assim como é um grande declinio para o mercado otaku.

E realmente, animes/mangas sao erroneamente classificados como coisa pra criança igual os games ja foram um dia, mas isso acontece apenas porque o povo faz analogia ao brinquedo como uma coisa pra criança, e não uma forma de entreterimento, agora me fala, que anime/manga/jogo que vc tem consumido que é pra criança, agora olha pro mercado todo e me fala quantos % deles é para menores de 10 anos.
101 cr points
Send Message: Send PM GB Post
26 / M
Offline
Posted 7/25/15 , edited 7/25/15
O declínio citado por ele é relacionado à relação mercado/estúdios/profissionais. E não à crise criativa, moe ou coisas parecidas.
First  Prev  1  2  Next  Last
You must be logged in to post.