Post Reply Animes Pequenos ou Animes Grandes ?
28 cr points
Send Message: Send PM GB Post
Offline
Posted 2/9/16 , edited 2/9/16
Qual vcs preferem? Existem muitos animes pequenos melhores do que animes grandes .
Quem ai terminou One Peace ? 900 Episodio meu deus !


105 cr points
Send Message: Send PM GB Post
22 / M / Brasil, Goiás, Go...
Offline
Posted 2/9/16
[Quero ressaltar que isso é minha própria opinião e respeito quem pensa de forma diferente] Isso varia de pessoa pra pessoa, mas no geral comigo é desse jeito que funciona, ambos possuem seus prós e seus contras:

Anime grande (passou dos 24 episódios eu já considero um anime grande D: ):
Prós: Rico em informações; Possibilidade de acompanhar o desenvolvimento pessoal de cada personagem; Nada é feito as pressas então cada coisa se põe no seu lugar no devido momento; rica variedade de personagens.
Contras: Pode se tornar cansativo, repetitivo e até mesmo enjoativo se a trama não for boa; várias mudanças no enredo (plot twist).
Ex.: Death Note, Bleach, Naruto, Kill la Kill, Akame ga Kill.
------
Anime curto:
Prós: História rápida, sem muita enrolação; perfeito pra quem gosta de emoção a todo instante; direto ao ponto.
Contras: Pode deixar muitas "pontas soltas" devido a falta de tempo, tudo acontece muito rápido com evento atrás de evento, o que acaba deixando muita coisa mal desenvolvida e mal explicada.
Ex.: Charlotte, Elfen Lied, Angel Beats!, Another.


Enfim, acho que é questão de gosto mesmo. No meu gosto, tem anime que merecia mais alguns episódios, enquanto outros tem mais do que deveria (Isso vale para os curtos e para os longos).
Portuguese Moderator
28122 cr points
Send Message: Send PM GB Post
30 / M / Pernambuco/Alagoas
Offline
Posted 2/9/16 , edited 2/11/16
Kra, eu já vi de tudo de animes imensos, a one-shots de 30 min. Passando por animes de 3 min/12 episódios, animes de 12 episódios de 30 min (1 temporada), animes de 24 episódios de 30 min (2 temporadas) e animes de 2 cours de 12 episódios de 30 min (1 temporada cada, espaçadas entre si) e animes de 52 episódios de 30 min (4 temporadas (1 ano)).

Na prática, acabei notando que o tamanho é o que menos importa. O que importa é se o anime tem um plot bom e que todos animes tem problemas. Mas de fato existem problemas característicos mais comuns em animes a depender do tamanho.


O principal problemas de animes gigantes (com mais de 52 episódios, ou seja mais de 4 temporadas ou 1 ano): Fillers!

Animes muito longos de produção continua tendem a ter muitos fillers porque eles costumam alcançar as obras a qual eles se baseiam e ficam "enrolando" para a história original podem continuar. (exceto Naruto, onde eles enrolam pra extrair o máximo possível de dinheiro da obra).
O problema real dos filler é na prática bem simples e eu costumo repetir por aqui. "Se roteirista de anime bom desse em arvores, todos os animes seriam fantásticos. Mas o que acontece é justamente o contrário, a maioria é mediana ou ruim". Então fillers tendem a derrubar bastamte a qualidade do plot dos animes extremamente longos.


Já animes grandes (52 episódios, 4 temporadas ou um ano): Podem ter 2 problemas. O já citados fillers, caso o plot seja uma adaptação, ou mais comum nos plots originais para o próprio anime, temos a enrrolação

A enrrolação, na prática é quando o anime cria uma série de episódios "inúteis" com o objetivo de fazer o anime render. Eles não acrescentem em nada ou quase nada ao plot principal, estando ali praticamente para ocupar espaço, manter o público ocupado, enquanto o anime não chega ao desfecho final.


Em animes de tamanho médio (24 episódios, 2 temporadas): Podem ter 2 problemas, a enrolação já citada, fillers, também já citados, quando adaptam um anime com pouco material lançado (como no caso de Ao no Exorcist). A diferença para os de 52, basicamente, é que as chances de ambos ocorrerem é menor. Em alguns casos também eles correm o risco de ficarem incompletos, quando pegam uma adaptação muito grande, nestes casos, se o anime não fizer sucesso suficiente, ele nunca terá uma continuação.


Em animes pequenos (12 episódios, 1 temporada): O problema da enrolação e dos fillers, praticamente inexistem. O problema maior aqui é a adaptação parcial, que é muito mais comum dos que nos animes maiores.


Em animes de 3min: O problema aqui é que a falta de tempo para o anime se expor e para conseguir fixara a atenção do espectador é gritante. Se o diretor não for muito bom e se o plot não colaborar, quase sempre o anime será ruim.

--

Baseado nisto pra mim, os melhores animes são, os de 24 episódios, incluindo os split cours. Pois são os que mais fogem da adaptação parcial, que costuma ser pior que os fillers pois deixam os animes na metade, e ao mesmo tempo tem a menor chance de ficarem enrolando ou colocando fillers inúteis no meio. Mas no fim, eu sempre assisto de tudo, pois existem muitos animes bons maiores e menores do que essa minha preferencia.
You must be logged in to post.