First  Prev  1  2  3  4  5  Next  Last
Post Reply Animes que todo mundo gosta, menos você.
5380 cr points
Send Message: Send PM GB Post
20 / M
Offline
Posted 9/4/16 , edited 9/4/16

Eu não costumo gostar de animes ecchi, mas eu acho que soa tão engraçado quando existe preconceito dentro do próprio fandom otaku que reclama justamente de sofrer preconceito por gostar de anime...

O que diabos ter namorada e maturidade tem a ver com gostar de ecchi? Nossa, heim. É quase que a mesma coisa que falar que shoujo é pra menina, shounen é pra pré-adolescente e "seeeeeeiiineeeeeeeeen" é coisa de adulto..

Mas nem vou alongar o assunto pra não criar uma discussão completamente nada a ver com o tópico.

E antes que venha falar que tomei dores por gostar do gênero, fica aqui minha anime list https://myanimelist.net/animelist/edubfr


Primeiro ponto: se vc assisti ecchi e problema seu(não to te criticando, a vida e sua, eu as vezes vejo tbm até onde eu consigo).

Segundo ponto: alguns ecchi e um tanto quanto infantil ou tosco, animes exemplo(ikiitousen, to love-ru darkrness, high school dXd, etc), por mais que vc defenda e um verdade triste (não que seja animes ruins, mais esse tipo de coisa se enjoa por muitas vezes serem repetitivas, tirando o fato de mais da metade dos protagonistas não conseguir fazer nada que chega ser decepcionante, pelo menos pra mim).

Terceiro ponto: Seinen e pra adulto, shounen e pra moleque, shoujo e pra menina, hentai e pra adolescentes selvagens. Onde eu prototipei rótulos nas pessoas se fosse assim por eu gostar de lolicon eu seria pedófilo ?. entenda que o que eu quis dizer foi ecchi são mais comuns e propensos a esses tipos de pessoa(jovens ou solteiros, o que não deixa um pouco verdade)! Agora faça um teste pegue algum conhecido seu de idade acima de 30 ou 40 anos e assista um echhi com essa pessoa com certeza ela não ira gostar por achar estranho(preferência alguém que não conhece animes chega a ser mágico de constrangedor e de engraçado).

Quarto ponto : fandom preconceituoso não de onde vc tirou isso, hj em dia ninguém pode expor uma opinião, no caso a minha opinião e do que eu vejo que acontece entre amigos ou pessoas da minha faculdade, se no seu caso o seu pai assistir echhi com vc, sorte a sua(brincadeiras a parte), sobre isso o que eu vejo e a opinião que eu acredito pois eu convivo com isso e seikon no quasar não e dahora e só pelos oppais.

Ps1:antes de vc pensar que eu tomei dores de seja o que vc achar aqui esta minha MyAnimeList que e muito eclética : https://myanimelist.net/animelist/jolydsky

Ps2:eu escrevi echhi errado varias vezes, foi mal
114 cr points
Send Message: Send PM GB Post
17 / M
Offline
Posted 9/5/16
No momento só me vem em mente kill la kill, no game no life, end of evangelion e talvez erased pelo fator decepção.
468 cr points
Send Message: Send PM GB Post
20 / M
Offline
Posted 9/10/16
Nanatsu no Taizai, Re:zero, Sword Art Online..
Não consigo gostar deles, acho tão.. meh
127 cr points
Send Message: Send PM GB Post
F
Offline
Posted 9/10/16
Orange, comecei a ver o anime e estava gostando, como de costume fui acompanhar o mangá e vi que estava terminado. Li em uma tarde e tenho que dizer... que decepção!!! Continuei assistindo o anime e odiei tanto quanto o mangá. O final é um lixo e não explicam nada direito
24 cr points
Send Message: Send PM GB Post
24 / M
Online
Posted 9/17/16
Naruto,não sei, assisti até o episódio 25 e não consegui mais kkkk
4167 cr points
Send Message: Send PM GB Post
Offline
Posted 9/19/16 , edited 9/19/16
Nem li o tópico só o OP.

Eu desisti de Re:Zero no epi 18, choradeira interminável, não gosto de ver personagens cometendo os mesmos erros diversas vezes, é cansativo demais. Honestamente, acho que o povo caiu no hype com esse. Dito isso, eu não odeio Re:Zero, só acho overrated.

Também ja tinha respondido em outro tópico com objetivo muito parecido que eu odeio alguns animes muito populares, dentre esses o mais recente foi SAO. Pra quem já acompanhava animes a quase 10 anos atrás, Haruhi Suzumiya é um dos que eram incrivelmente populares láá em 2007/8, e que eu sempre odiei. Recentemente resolvi assisti-lo por inteiro, e descobri que era pior ainda do que eu imaginava. LOL

Pra acrescentar algo novo, lá vai: outro anime muito popular que eu dispenso é Pokémon. Claro, nesse caso eu ja vi gente compartilhar do meu desprezo. Mas ele realmente engloba uma falta de criatividade incrível. E eu não estou dizendo isso porque o Ash, ou sei lá qual o nome dele em japonês, perdeu a liga denovo. Na realidade eu ri histéricamente ao descobrir esse fato. É repetitivo demais, bobinho demais, e dificilmente passa de uma propaganda da série. As pessoas que realmente gostam de Pokémon na sua maioria o fazem por causa dos jogos - menos o GO - e não pelo anime. Ele faz o que se dispôe a fazer, que é chamar a criançada pra série, mas eu nunca vou conseguir levar aquilo a "sério".
10 cr points
Send Message: Send PM GB Post
M
Offline
Posted 9/21/16
No caso de Durarara eu concordo. Não passei do 2º episódio.
1015 cr points
Send Message: Send PM GB Post
31 / M
Offline
Posted 9/21/16
Me filio a um daqueles que não gostou nem um pouco de Re:Zero, havia visto uns 3 episódios e dropado, mas o povo falou tanto a respeito que voltei a ver e continuo achado a mesma coisa, só que com mais tempo da minha vida perdida.
12868 cr points
Send Message: Send PM GB Post
29 / M / São Paulo
Offline
Posted 9/24/16 , edited 9/24/16

azelmotion wrote:


Eu não costumo gostar de animes ecchi, mas eu acho que soa tão engraçado quando existe preconceito dentro do próprio fandom otaku que reclama justamente de sofrer preconceito por gostar de anime...

O que diabos ter namorada e maturidade tem a ver com gostar de ecchi? Nossa, heim. É quase que a mesma coisa que falar que shoujo é pra menina, shounen é pra pré-adolescente e "seeeeeeiiineeeeeeeeen" é coisa de adulto..

Mas nem vou alongar o assunto pra não criar uma discussão completamente nada a ver com o tópico.

E antes que venha falar que tomei dores por gostar do gênero, fica aqui minha anime list https://myanimelist.net/animelist/edubfr


Primeiro ponto: se vc assisti ecchi e problema seu(não to te criticando, a vida e sua, eu as vezes vejo tbm até onde eu consigo).

Segundo ponto: alguns ecchi e um tanto quanto infantil ou tosco, animes exemplo(ikiitousen, to love-ru darkrness, high school dXd, etc), por mais que vc defenda e um verdade triste (não que seja animes ruins, mais esse tipo de coisa se enjoa por muitas vezes serem repetitivas, tirando o fato de mais da metade dos protagonistas não conseguir fazer nada que chega ser decepcionante, pelo menos pra mim).

Terceiro ponto: Seinen e pra adulto, shounen e pra moleque, shoujo e pra menina, hentai e pra adolescentes selvagens. Onde eu prototipei rótulos nas pessoas se fosse assim por eu gostar de lolicon eu seria pedófilo ?. entenda que o que eu quis dizer foi ecchi são mais comuns e propensos a esses tipos de pessoa(jovens ou solteiros, o que não deixa um pouco verdade)! Agora faça um teste pegue algum conhecido seu de idade acima de 30 ou 40 anos e assista um echhi com essa pessoa com certeza ela não ira gostar por achar estranho(preferência alguém que não conhece animes chega a ser mágico de constrangedor e de engraçado).

Quarto ponto : fandom preconceituoso não de onde vc tirou isso, hj em dia ninguém pode expor uma opinião, no caso a minha opinião e do que eu vejo que acontece entre amigos ou pessoas da minha faculdade, se no seu caso o seu pai assistir echhi com vc, sorte a sua(brincadeiras a parte), sobre isso o que eu vejo e a opinião que eu acredito pois eu convivo com isso e seikon no quasar não e dahora e só pelos oppais.

Ps1:antes de vc pensar que eu tomei dores de seja o que vc achar aqui esta minha MyAnimeList que e muito eclética : https://myanimelist.net/animelist/jolydsky

Ps2:eu escrevi echhi errado varias vezes, foi mal :(




Direto ao tópico:

Tenho uma lista de desafetos, mas sei lá. One Piece e Bleach não desgosto, mas porque gosto do traço do mangá. Acho simplesmente ótimo, assim como amo o traço de Shaman King. O que não engulo de jeito nenhum é a segunda temporada de SAO. Meu Deus do Céu! O que foi aquilo? Me drogaram e me jogaram num caminhão de contrabando de alguma substância bizarra. Aquele viagem foi tão louca que só o final do primeiro arco digno de um dramalhão superou essa bizarria toda. Ainda lembro daquela sequencia do estacionamento na primeira temporada. Que porra foi aquela? De resto nem desgosto tanto. Só acho que é uma série que se perdeu em muitos pequenos detalhes e perdeu muito do seu potencial.

Tento lembrar outros depois. rs


[Também ja tinha respondido em outro tópico com objetivo muito parecido que eu odeio alguns animes muito populares, dentre esses o mais recente foi SAO. Pra quem já acompanhava animes a quase 10 anos atrás, Haruhi Suzumiya é um dos que eram incrivelmente populares láá em 2007/8, e que eu sempre odiei. Recentemente resolvi assisti-lo por inteiro, e descobri que era pior ainda do que eu imaginava. LOL


Isso constituí pecado pra mim. Está na minha lista negra por conta disso. rs Brincadeiras à parte seria bom explicar senão é apenas hate mesmo. Eu tenho boas razões pra amar a série, mas suspeito que sua crítica recaia na personagem que dá título ao animê assim como tem muita gente que odeia a série por causa dela, O que significa que realmente não é uma unanimidade. De resto sempre foi meu favorito logo depois do tão odiado Bakemonogatari. rs


Pra acrescentar algo novo, lá vai: outro anime muito popular que eu dispenso é Pokémon. Claro, nesse caso eu ja vi gente compartilhar do meu desprezo. Mas ele realmente engloba uma falta de criatividade incrível. E eu não estou dizendo isso porque o Ash, ou sei lá qual o nome dele em japonês, perdeu a liga denovo. Na realidade eu ri histéricamente ao descobrir esse fato. É repetitivo demais, bobinho demais, e dificilmente passa de uma propaganda da série. As pessoas que realmente gostam de Pokémon na sua maioria o fazem por causa dos jogos - menos o GO - e não pelo anime. Ele faz o que se dispôe a fazer, que é chamar a criançada pra série, mas eu nunca vou conseguir levar aquilo a "sério".


E? Acho que o teu ódio é meio alimentado, cara. Você tá bem mesmo? Desgosto do animê simplesmente porque passei da idade, mas sua primeira temporada sempre foi excelente como conteúdo infanto-juvenil. Criatividade em uma mídia de massa? Não sei exatamente os teus critérios, mas acho isso um despropósito. E quem disse que algo como Digimon ou Pokémon precisa ser levado à sério? Realmente, cara, o argumento ou está mal posicionado ou é hate por hate. Tu faz profissão disso? Hahahaha. É até engraçado ver algo tão passageiro e dispensável como um animê como Pokémon receber tanta consideração por parte de alguém mais velho. Sei lá, tem mais problemas no argumento como Yu-gi-Oh e tantos animês de outros produtos tem a mesma proposta. Não é exatamente uma novidade que um animê seja usado nesse propósito. O problema é exatamente o fato de ser extenso demais para além da conta e não ser merchandising.

5380 cr points
Send Message: Send PM GB Post
20 / M
Offline
Posted 9/25/16



vamos a um fato aqui bakemonogatari tem historia construida(so não li a novel por que o resto...), além de ser feita pelo estúdio que curte arte conceitual(shaft) que por consequência da um espécie de identidade pra seus anime (pelo menos o que eu vi que e mais da metade), vc não entendeu o que eu quis dar a entender que seria as pessoas passam por fazes de desenvolvimento que dependendo se pega mais experiência ou ve coisas mais ricas de historia fica difícil ver coisas triviais como o gênero ecchi(sem historia, sem nada, e claro sem generalizar) ou kodomo(ex: hantaro == dora, galinha pintadinha, coisa infantil ou vc discorda? ), vamos dar exemplos pra vc entender meu ponto a partir do momento que vc vê um kaiji(jogo de aposta que destroe o personagem se sente aflição quando ele se fod3), hajime no ippo(mostra como e dificil o boxe, as paulada que se leva ate ganha um cinturão, além de respeito e valor), ghost in the shell(um mundo caótico que crimes cybervirtuais ameaçam a sociedade por um todo), fica difícil ver super sonico(os jogo e dahora, mais o anime e sem sal e o corpo das mina e desproporcional, sem falar que não tem um desenvolvimento bacana igual the [email protected] ou love live), queen blade(o primeiro episódio consiste em uma mina que solta ácido das teta... vou parar por aqui).

Vo tentar deixar o mais claro que eu acredito que as coisas que vc assiste são problema seu sim! eu vejo moe e problema meu! ou estou errado? tem gente que critica? sim! eu concordo ate que certas coisa de moe não são diferentes do que eu falo sobre ecchi. problema seu == vc faz isso pq vc quer. não e questão de guerra e questão de gosto eu falar problema seu, o gosto e seu eu não tenho nada com isso, eu falei muito mais nesse sentido, aliás eu so aberto pra falar desse assunto numa boa não to levando nada a sério so um idiota pra ver uma opinião como uma ofensa! liberdade de expressão certo! a minha visão e essa no meu caso e esse, eu não vejo mais ecchi pq eu aprecio coisas mais ricas de outras maneira



12868 cr points
Send Message: Send PM GB Post
29 / M / São Paulo
Offline
Posted 9/25/16

azelmotion wrote:




vamos a um fato aqui bakemonogatari tem historia construida(so não li a novel por que o resto...), além de ser feita pelo estúdio que curte arte conceitual(shaft) que por consequência da um espécie de identidade pra seus anime (pelo menos o que eu vi que e mais da metade), vc não entendeu o que eu quis dar a entender que seria as pessoas passam por fazes de desenvolvimento que dependendo se pega mais experiência ou ve coisas mais ricas de historia fica difícil ver coisas triviais como o gênero ecchi(sem historia, sem nada, e claro sem generalizar) ou kodomo(ex: hantaro == dora, galinha pintadinha, coisa infantil ou vc discorda? ), vamos dar exemplos pra vc entender meu ponto a partir do momento que vc vê um kaiji(jogo de aposta que destroe o personagem se sente aflição quando ele se fod3), hajime no ippo(mostra como e dificil o boxe, as paulada que se leva ate ganha um cinturão, além de respeito e valor), ghost in the shell(um mundo caótico que crimes cybervirtuais ameaçam a sociedade por um todo), fica difícil ver super sonico(os jogo e dahora, mais o anime e sem sal e o corpo das mina e desproporcional, sem falar que não tem um desenvolvimento bacana igual the [email protected] ou love live), queen blade(o primeiro episódio consiste em uma mina que solta ácido das teta... vou parar por aqui).

Vo tentar deixar o mais claro que eu acredito que as coisas que vc assiste são problema seu sim! eu vejo moe e problema meu! ou estou errado? tem gente que critica? sim! eu concordo ate que certas coisa de moe não são diferentes do que eu falo sobre ecchi. problema seu == vc faz isso pq vc quer. não e questão de guerra e questão de gosto eu falar problema seu, o gosto e seu eu não tenho nada com isso, eu falei muito mais nesse sentido, aliás eu so aberto pra falar desse assunto numa boa não to levando nada a sério so um idiota pra ver uma opinião como uma ofensa! liberdade de expressão certo! a minha visão e essa no meu caso e esse, eu não vejo mais ecchi pq eu aprecio coisas mais ricas de outras maneira





Entendido. Enfim, já que tu gosta de Monogatari te mando um vídeo legal sobre as direções de arte dele. COmpara monogatari com a Nouvelle Vague francesa:

https://www.youtube.com/watch?v=OJvr_TWofRc

Aproveita que é muito bom o vídeo. Pena estar em inglês.

22 cr points
Send Message: Send PM GB Post
M
Offline
Posted 9/30/16
Sword art online
314 cr points
Send Message: Send PM GB Post
19 / F / Brasil
Offline
Posted 10/3/16 , edited 10/3/16
SAO, Toradora (assisti esses dois na mesma época, o ódio foi tanto que fiquei dois anos e meio sem ver animes ou ler mangá ) e Re:Zero,
24 cr points
Send Message: Send PM GB Post
16 / M
Offline
Posted 10/4/16
Podem me apedrejar se quiserem mas um anime que não consigo gostar é Naruto Shippuden . O motivo é porque eles estão sempre colocando o Saske em cima de um pedestal e agindo como se o Naruto fosse aquele personagem secundário estúpido que não ajuda em nada.
99 cr points
Send Message: Send PM GB Post
25 / M
Offline
Posted 10/19/16

rod_garcia wrote:


victorchab wrote:



Então, essa questão do Subaru não se questionar pelo fato de ter sido transportado para um mundo alternativo é justificado em sua personalidade: ele foi apresentado como um típico "hikikomori", isto é, um indivíduo que se isola da sociedade e possui uma baixa autoestima.

Por ser um "isolado", ele não teria grandes laços familiares e nem de amizades no mundo real, fato que facilitou a sua adaptação sem grandes questionamentos nesse mundo alternativo. Posteriormente, ao ser transportado para este mundo paralelo, ele instantaneamente encara aquilo como um mundo no qual ele precisa avançar, vencer os desafios e sair dali. Típica reação de alguém que vivia isolado e, talvez, acostumado com jogos dessa temática. Ele está encarando aquilo como um "jogo".

Enquanto ele estava tratando tudo aquilo como um desafio, a Emilia aparece em sua vida e é amor a primeira vista. Não é necessário ser racional para ser apaixonado.. você simplesmente gosta da pessoa sem grandes motivos coerentes, e é justamente por isso que ele faz de tudo por ela sem questionar o seu estado atual dentro de um mundo paralelo. Quantas vezes, principalmente na nossa adolescência, ficávamos apaixonados com aquele amor platônico e não correspondido pela garota mais bonita da sala e tudo o que a gente fazia era irracional? hehehehe

Dá uma chance pra Re:Zero sim.. tente assisti-lo com outros olhos e talvez ele se torne um bom anime pra você.

Abraços!





luis_maia wrote:


rod_garcia wrote:

Gostar de um anime é bem subjetivo, vai do gosto de cada um.. mas no caso de Re:Zero, a aceitação é universal, você deve ser o único cara que não gosta! HAHAHAHAHAHA

Discordo de você em alguns pontos: o plot pode até ser clichê no sentido do personagem principal ser transportado para um mundo fantasioso (depois de SAO, dezenas de outros animes surgiram com essa temática), mas o anime é inovador no sentido de que o protagonista é um bosta e continua sendo um bosta, e depende dos outros para resolver tudo, até o final do anime!

A questão do "possuir um poder do nada" você se refere ao reset dele depois que morre, correto? Não é um "poder do nada", já ficou evidente no anime que a tal da Bruxa da Inveja aplicou essa maldição nele, o que não sabemos ainda são os seus motivos por de trás disso, mas creio que futuramente tudo será exposto ao expectador.

Sobre "os personagens não chamarem a sua atenção", isso também acaba sendo subjetivo, mas você precisa ser honesto. Considero Re:Zero um dos animes que mais bem trabalha o desenvolvimento das personagens, todos eles possuem uma ótima construção de personalidade e caráter, seja ele bom ou ruim.. Enfim, que tal você dar mais uma chance para o anime com um outro olhar crítico?

Sobre a proposta do tópico: um anime que TODO mundo gosta, mas eu não consigo engolir, é o CLANNAD. Já assisti os 10 primeiros episódios umas 3 vezes pra tentar finalizar a 1ª temporada (porque eu sei que é na segunda que as coisas ficam "extreme-over-fucking-feelings"), mas não dá.. a 1ª temporada é muito maçante e chata pra cacete...

Espero que algum dia eu consiga finalizar este anime!


concordo 100% quanto a clannad , assisti porque na época todo mundo falava dessa desgraça e me arrependo ate hoje , puta anime irritante fora a "heroína" que ele escolhe é uma das piores personagens femininas que eu ja vi .





victorchab wrote:

Cara, Death Note é um típico anime que se perde completamente, sabe quando o autor escreve uma história tão boa, mas que não consegue dar continuidade? Esse é o caso do Death Note. Eu compreendo que a autora teve um problema:






Então, eu compreendo ele não querer voltar, tudo bem. Porém, é tudo tão artificial, chega a ser estranho. Nos episódios que eu vi, eu fiquei o tempo todo esperando que ele se mostrasse como uma Ai ou algo assim, afinal é a forma que ele se comporta. Enfim, eu larguei o anime por causa do personagem principal que é tremendamente irritante, mas opinião rs.





edubfr wrote:


victorchab wrote:

Olá, Rod, tudo bem?

Pensando em alguns pontos que você apontou, realmente, no fim tudo é subjetivo. Talvez um dos motivos que eu mais desgoste do Re:Zero seja o personagem principal. O que mais me incomodou até então - como eu apontei no meu tópico - foi a aceitação do personagem completa por estar em um mundo fantástico e com um poder que até o episódio 6 - onde eu larguei o anime - ele não pensa em buscar a origem daquele mundo ou o porquê ele possuí esse poder, isso me incomodou. Me coloco no lugar do mesmo, se caso fosse comigo, eu estaria desesperado para obter informações daquele lugar, e não simplesmente predestinado a seguir uma garota.

Enfim, algumas coisas claramente do anime fazem mais sentido para você do que para mim, obviamente, pelo fato que eu não conclui, mas vamos dar uma chance novamente, quem sabe.

Concordo que Clannad é maçante e extremamente, cansativo, mas acho um anime lindo, prefiro outros da Key, mas é um bom anime.

No mais, obrigado! Um abraço.


Pera aí então, você reclama do anime ser clichê e ao mesmo tempo reclama dele não ter uma atitude clichê? (pq em todo anime desse tipo é de lei que isso ocorra, ou seja, clichê. Mas aí ele não tem tal atitude clichê e você reclama... Well..)

Mas não se preocupe, conheço mais uma pessoa que também não gostou de Re:Zero, então você não está sozinho nesse mundo XD

Respondendo ao tópico, digo 3 animes: Death Note, Mirai Nikki e Evangelion.

Death Note é legal até certo ponto, mas chega uma hora que cansa.

Mirai Nikki é um bom fanservice pra quem quer ver violência gráfica e é isso aí.

Evangelion é ame-o ou deixe-o, escolhi por deixá-lo.



rod_garcia wrote:

Gostar de um anime é bem subjetivo, vai do gosto de cada um.. mas no caso de Re:Zero, a aceitação é universal, você deve ser o único cara que não gosta! HAHAHAHAHAHA

Discordo de você em alguns pontos: o plot pode até ser clichê no sentido do personagem principal ser transportado para um mundo fantasioso (depois de SAO, dezenas de outros animes surgiram com essa temática), mas o anime é inovador no sentido de que o protagonista é um bosta e continua sendo um bosta, e depende dos outros para resolver tudo, até o final do anime!

A questão do "possuir um poder do nada" você se refere ao reset dele depois que morre, correto? Não é um "poder do nada", já ficou evidente no anime que a tal da Bruxa da Inveja aplicou essa maldição nele, o que não sabemos ainda são os seus motivos por de trás disso, mas creio que futuramente tudo será exposto ao expectador.

Sobre "os personagens não chamarem a sua atenção", isso também acaba sendo subjetivo, mas você precisa ser honesto. Considero Re:Zero um dos animes que mais bem trabalha o desenvolvimento das personagens, todos eles possuem uma ótima construção de personalidade e caráter, seja ele bom ou ruim.. Enfim, que tal você dar mais uma chance para o anime com um outro olhar crítico?

Sobre a proposta do tópico: um anime que TODO mundo gosta, mas eu não consigo engolir, é o CLANNAD. Já assisti os 10 primeiros episódios umas 3 vezes pra tentar finalizar a 1ª temporada (porque eu sei que é na segunda que as coisas ficam "extreme-over-fucking-feelings"), mas não dá.. a 1ª temporada é muito maçante e chata pra cacete...

Espero que algum dia eu consiga finalizar este anime!


A primeira temporada de Clannad é horrorosa, eu não sei nem como consegui assistir àquilo tudo. Mas After Story fez todo meu sofrimento valer a pena...
vaum tomar no cu clannad em sua totalidade é 1 anime perfeito pra voces bom deve ser naruto bleach one piece e outros anime modinhas
First  Prev  1  2  3  4  5  Next  Last
You must be logged in to post.