[REVIEW] TERRAFORMARS - Um anime simples, asqueroso e maravilhoso

Em Terraformars é a barata que dá a chinelada fatal!

TERRAFORMARS - REVIEW

 

Eu e meu cérebro somos da opinião de que toda temporada de anime precisa ter uma boa série de porrada - manter acesa aquela chama ardente e máscula que Goku e Kenshiro carregaram com tanto orgulho no tempo dos nossos pais. Eis que temos Terraformars, que traz o melhor, o pior e o pior/melhor desse gênero tão querido.

 

Quando digo pior/melhor, estou falando de coisas que são tão ruins que ficam boas. E com isso eu me refiro à trama deliciosamente nonsense e a explicações científicas que não fazem sentido algum.

 

Do começo: a superpopulação e falta de recursos da Terra leva a humanidade a começar a colonização de Marte. Para tornar o planeta habitável, envia-se um carregamento massivo de algas e baratas para que, de alguma forma, o ambiente torne-se apto para a vida humana.

 

Algum tempo passa e ganhamos dois problemas de presente: o primeiro é que um vírus mortal apareceu na Terra e está matando todo mundo. O segundo é que o vírus é de Marte, e o único jeito de encontrar a cura é indo para lá e encarando aquelas baratas... Que viraram gigantes halterofilistas e super-poderosas.

 

TERRAFORMARS TERRAFORMARS TERRAFORMARS TERRAFORMARS

 

O enredo pode ser besta, mas o conceito básico de Terraformars é brilhante. Quando alguém diz que os nazistas são os seres mais odiados da face da Terra, eu educadamente discordo e aponto aos fatos: não são eles e sim as baratas.  Você pode ser indiferente às baratas, mas não tem como ativamente gostar de uma delas, a não ser que você seja a Naoko Takeuchi.

 

Elas não mordem e nem picam, mas são nojentas e asquerosas o suficiente para que você sinta algum tipo de prazer sádico quando pisa em uma delas e ouve aquele crec do bicho rachando no meio. É a punição divina por ela ser tão feia e tão resistente, a ponto de viver podendo comer só giz de cera e sobreviver a explosões atômicas.

 

Justamente por isso cabe a pergunta do que elas fariam com a gente, pobres humanos, se tivessem tamanho e força equivalentes aos nossos, quiçá ainda maiores.  Mais que isso: se estivéssemos em um mato sem cachorro tão grande quanto o de uma barata correndo pela sua vida enquanto um humano gigante dá gritinhos e brada um chinelo.

 

Então temos Akari Hizamaru, protagonista da série e membro de uma equipe de cadetes recrutados para a missão de extermínio de insetos em marte. Ele começa a série em uma luta-livre contra um urso, então você sabe que ele é especial, como todo bom protagonista de anime, logo de cara.

 

luta-livre contra um urso #quemnunca

 

Tanto ele, quanto seus superiores e colegas, passaram por uma cirurgia especial (e altamente perigosa) para receber poderes especiais. Seus corpos recebem o transplante de genes e células vindos de insetos e animais da Terra e incorporam as suas características especiais, todas ampliadas para a escala humana. Akari, por exemplo, é um tipo de mariposa que tece um fio super resistente, enquanto a superiora dele, a peituda Michelle-san, faz seus inimigos explodirem como a formiga-cabo-verde.

 

Não se via um conceito científico tão estapafurdiamente falso desde que Liquid Snake disse que Solid Snake era o irmão superior porque era totalmente feito de genes dominantes - o que dá a entender que hemofilia e polidactilia sejam tratos desejáveis em um herói.

 

Mas o papo não só funciona - afinal de contas é legal ter um animal-símbolo que tematize os seus poderes, já ensinava Cavaleiros do Zodíaco - como é uma excelente homenagem aos seriados de Tokusatsu da década de 70. Pergunte aos oficiais da Sociedade Secreta Shocker o que eles passavam o dia fazendo naqueles laboratórios.

 

Na prática, isso tudo quer dizer que os heróis (e vilões) têm poderes inovadores e inesperados, o que é muito mais do que se pode dizer de qualquer anime shonen que se veja por aí.

 

Terraformars também é interessante porque canaliza algo único nas obras de ficção do Japão: o total desapego pela vida. Sem entrar no território dos spoilers, tem menininha bonitinha que tem o peito varado por um hadouken logo de cara. Cabeças são arrancadas sem a menor cerimônia.

 

TERRAFORMARS TERRAFORMARS

 

A série manda uma mensagem clara: não importa o quão aquele personagem seja carismático, um tropeço e ele vai morrer sim, senhor. Isso deixa a série imprevisível, interessante, até levemente assustadora.

 

E você quer saber por que diabos as baratas gigantes têm poderes que pertenciam a uma outra equipe de exterminadores, supostamente mortos. Ou por que o Akari já era tão fortão desde o início. Ou o que um dono de bar no meio do nada tem a ver com as cirurgias de fortalecimento dos cadetes.

 

Mas, acima de tudo, você quer ver humanos conseguindo matar baratas exageradas de maneiras exageradas. Se for com um raio laser, com navalhas, com explosões, tanto melhor. Akari e o resto da equipe da missão Annex-1 estão vingando eu, você, e todos nós que não suportamos essas criaturazinhas de Satanás.

 

Tal como as baratas, pequenas mas imensamente repulsivas, Terraformars é um anime assim, que parece bobo, mas que tem muita diversão a oferecer por baixo de suas camadas crocantes.


©Yu Sasuga / Kenichi Tachibana. SHUEISHA, Project TERRAFORMARS
Fanart por Azy Tscw

 


tengumaru é jornalista, redator da Crunchyroll.pt e acha que Hokuto no Ken salva vidas. Siga-o no Twitter

Other Top News

0 Comments
Be the first to comment!
Sort by: