[Resenha] Turma da Mônica: Geração 12! É Mônica, é mangá e é promissor

Demos uma olhadinha no primeiro volume de Geração 12!

No dia 12 de julho, lançou oficialmente a primeira edição de Turma da Mônica: Geração 12, a primeira obra da franquia sob o selo Mangá MSP (e publicada também pelo Planet Manga, o selo de mangás da Panini). Durante o Anime Friends em São Paulo, já era possível comprar o volume um. O volume zero, que foi disponibilizado gratuitamente em formato digital em junho, estava sendo distribuído gratuitamente em formato físico pela editora no evento. Demos uma olhada no primeiro volume, chamado Um Novo Tempo, e viemos contar para vocês!

 

O primeiro volume funciona como "versão completa" do zero, que não é um prólogo, é uma condensação de passagens da primeira edição organizadas de forma cronólogica. É um pouco como se o volume zero funcionasse como um "trailer" do volume um, já fornecendo uma boa ideia de como a trama vai se organizar e pontos relevantes do que vai acontecer. Por causa disso, esse volume não tem aquele efeito de "uau, que novidade" para quem já leu o zero. Não que a história fique chata por causa disso, pelo contrário, temos uma introdução melhor dos personagens principais, principalmente da Mônica e da Magali, podendo entender a história com mais calma, já que o volume zero quase não "respira" (o que é ótimo para uma edição introdutória, que só quer dar uma ideia ao leitor a que veio).

 

A obra possui claras, mas não somente, influências de shoujo, principalmente de garotas mágicas, até porque ela se mostra, até agora, como uma versão garotas mágicas de Mônica. Embora esse não seja um gênero exclusivo de obras shoujos, existem séries desse gênero voltadas a outros público como Madoka Magica e Nanoha, ele está fortemente associado ao shoujo. Ao mesmo tempo, a transformação que alguns elementos do universo de Mônica sofrem nessa adaptação são muito divertidas para quem gosta dos quadrinhos (o Sansão sofre a minha mudança favorita). O volume, aliás, tem aquele "toque de humor" da franquia.

 

 

Nesse universo da franquia, existe uma Academia para exploradores, idealizada pelo Astronauta, e o sonho da Mônica sempre foi estudar ali para se tornar uma grande exploradora. Essa versão da personagem possui uma personalidade mais "destrambelhada", como é comum com personagens principais de garotas mágicas (e de shoujos). Ela me lembra um pouco a Akko de Little Witch Academia pelo modo como não "leva jeito" para a coisa, talvez com um pouco menos de certeza sobre os próprios sonhos, e também um pouco a Asumi Kamogawa de Twin Spica (que não é um shoujo e nem garotas mágicas), talvez aqui só pela temática ter algo a ver com espaço. Mas, mesmo assim, ela ainda é claramente a Mônica e possui uma personalidade própria, sem ser uma "cópia" de nenhum outro personagem. O mesmo vale para os outros personagens já conhecidos da franquia, gostaria aqui de destacar o Cebolinha, que faz bastante jus à sua versão original, que é implicante e, muitas vezes, irritante (e isso não é nenhuma crítica, seria estranho se ele não fosse assim).

 

Temos uma personagem "nova" (nos comentários, informaram que ela já faz parte da Turma), a Milena, que ainda não mostrou muito bem a que veio. Por enquanto, ela parece só alguém que "estava ali", junto com Mônica e Magali, e, por isso, não consigo ter ainda nenhuma opinião sobre ela. O volume está mais preocupado em fazer a trama mover e, para isso, dá um enfoque maior na Mônica, deixando algumas pistas já do que pode vir pela frente com a Magali, não sobra tanto espaço para mostrar uma personagem nova, até porque são só 96 páginas, mas talvez pudessem já ter dado uma maior participação para ela porque ela me parece meio "colocada de qualquer jeito" nesse volume, mas fica a curiosidade de conhecê-la melhor. Os vilões da trama tem uma rápida aparição, mas seus objetivos ainda permanecem desconhecidos, mantendo ainda o suspense sobre eles!

 

Ao meu ver, a série funciona bem como Turma da Mônica e também como mangá, eu ao menos me senti lendo um. A sensação que fica é de uma série que vai aproveitar os pelo menos 5 próximos volumes para construir bem a narrativa e os personagens nela e que tem muito potencial para ser boa e ter sucesso!

 

E você, tem vontade de ler essa série? Conte para a gente nos comentários!


© MSP

Editado em 24/07 às 09h44.


perfilLaura é mestranda em Letras na USP, redatora de notícias para a Crunchyroll.pt e eventualmente também escreve para o Nani. Entrou nessa de desenhos japoneses por causa de Cavaleiros do Zodíaco e está aí até hoje. Para surtos e reclamações mais pessoais, o Twitter é @gasseruto.

Outras Principais Notícias

18 Comentários
Ordenar por: