Autor de Log Horizon e Maoyuu é sentenciado por sonegação fiscal

A sentença de 10 meses foi suspensa por 3 anos

Daisuke Umezu, 42, mais conhecido como Mamare Touno, autor das light novels de Log Horizon e Maoyuu Maou Yuusha, foi sentenciado na terça-feira, 26, por sonegação fiscal. O Tribunal do Distrito de Tóquio condenou Touno a 10 meses de prisão, mas a sentença foi suspensa por 3 anos e ele não vai mais cumprir se mostrar bom comportamento, apesar de ainda ter que pagar o valor sonegado.

 

Em abril, Touno foi acusado de sonegação fiscal e violação da Lei de Impostos Empresariais por deixar de apresentar cerca de 122 milhões de ienes (1 milhão de dólares) em royalties nos três anos desde o fim do ano fiscal em março de 2014. Touno deve ao governo japonês 30 milhões de ienes (270 mil dólares) em impostos e foi colocado em prisão domiciliar em dezembro passado.


Pouco depois de ser acusado em abril passado, Touno lançou um comunicado que dizia: "O Departamento Regional de Tributação de Tóquio me notificou sobre a investigação em meus relatórios fiscais e eu cooperei com a investigação. Paguei meus impostos atrasados ​​e apresentei a documentação necessária, assim o Departamento pôde concluir sua investigação. "

 

Fonte: CRNews e ANN


Fábio Luz

FabioLuz é redator da CrunchyNotícias para a Crunchyroll.pt, além de metido a escritor de romances e Light Novels sob o pseudônimo de Isao Ooyama. É obcecado por notícias sobre número de vendas de BDs/DVDs, mangás e Light Novels no Japão. Quer saber se o seu anime vendeu bem? Pergunte a ele! Siga-o no Twitter: @FabioLuzCR

Outras notícias principais

5 comentários
Ordenar por:
Hime banner

Experimenta a nova Crunchyroll Beta

Quero experimentar