Acabou? Saint Seiya: Episode G Assassin, mangá derivado de Episódio G, tem publicação encerrada

Série teve 118 capítulos e talvez tenha continuação

Nesta semana, o suposto último capítulo de Saint Seiya: Episode G Assassin foi publicado, encerrando a série com 118 capítulos. A página final anuncia o fim da série mas abre espaço para uma continuação. Esta obra é uma espécie de derivado de Episódio G (escrita inclusive pelo mesmo autor). Com esse final, o único mangá spin-off ainda em publicação da série aparentemente é Saintia Sho, de Chimaki Kuori, mas é possível que a publicação da continuação da obra de Megumu Okada já comece logo, caso realmente exista uma.

 

Okada começou a publicação de Assassin em 2014 na Champion RED Ichigo e, no mesmo ano, a obra foi transferida para o portal online da Akita Shoten, Manga Cross. O mangá se encerra com 15 volumes compilados até o momento, o 16º deve ser o último. A periodicidade teoricamente era semanal, mas curtos hiatos eram frequentes.


Os Cavaleiros do Zodíaco: Episódio G foi publicado de 2002 a 2013 na Champion RED (até 2009) e, posteriormente,na RED Ichigo e funciona como uma prequel para a série original de Masami Kurumada (ou seja, Episódio G é um derivado "não canônico" de Cavaleiros do Zodíaco e Assassin é um derivado desse derivado). A Conrad publicou Episódio G no Brasil, mas Assassin segue inédito em terras tupiniquins.

 

 

Saint Seiya ou Os Cavaleiros do Zodíaco é uma série original de Masami Kurumada, publicada na Shonen Jump, da Shueisha, de 1986 a 1990, cobrindo as sagas do Santuário até Hades, contando a história de guerreiros que lutam para defender a deusa Atena e passam por um treinamento no qual aprendem a controlar o cosmo, uma energia que todo ser humano possui e é teoricamente capaz de utilizar. Em 2006, o autor começou a publicar uma continuação entitulada Os Cavaleiros do Zodíaco: Next Dimension na Shonen Champion, da Akita Shoten, atualmente em hiato.

 

A série original recebeu uma versão em animação pela Toei Animation de 1986 a 1988, contando as sagas do Santuário e Poseidon (e a saga filler Asgard) e, posteriormente, teve a saga de Hades animada em OVAs lançados entre 2002 e 2008. A franquia possui diversos derivados, tanto em anime quanto em mangá. No Brasil, o anime foi exibido em 1994 pela primeira vez na Rede Manchete e depois foi reexibido nos anos 2000 pelo Cartoon Network e Band, a Rede Brasil também exibiu a série há pouco tempo, mas encerrou ano passado.  Os mangás foram lançados pela Conrad em 2000, mas hoje todas as obras licenciadas saem pela JBC, inclusive republicações em edição de luxo estão sendo lançadas atualmente. Um reboot feito em parceria entre a Toei com a Netflix lançou em julho, temos uma resenha aqui.

 

Você pode assistir a série original de Os Cavaleiros do Zodíaco (dublada), a Saga de Hades (dublada ou legendada), Omega (legendada), Alma de Ouro (legendada) e Saintia Sho (legendada) completas na Crunchyroll.pt!

 

E você, o que achou do fim da obra? Conte para a gente nos comentários!


Fonte: ANN

© Megumu Okada / Masami Kuruma / Akita Shoten


perfilLaura é mestranda em Letras na USP, redatora de notícias para a Crunchyroll.pt e eventualmente também escreve para o Nani. Entrou nessa de desenhos japoneses por causa de Cavaleiros do Zodíaco e está aí até hoje. Para surtos e reclamações mais pessoais, o Twitter é @gasseruto.

Outras notícias principais

0 comentários
Sê a primeira pessoa a comentar!
Ordenar por: