França registra explosão nas vendas de mangás após governo liberar "Vale Cultura" para jovens gastarem com arte

Vale de 300 euros está sendo distribuído para cada jovem de 18 anos na França

As vendas de mangás registram grande crescimento na França depois que o governo lançou um aplicativo para smartphone em maio que dá 300 euros (aproximadamente R$ 1860,00) para cada jovem de 18 anos gastar em artes. O New York Times informou que, a partir de julho, 75% de todas as compras feitas por meio do aplicativo são livros, cerca de dois terços dos quais são mangás. O aplicativo é chamado de Vale Cultura, embora a mídia francesa se refira a ele como "Vale Mangá".

 

Os proprietários de livrarias estão maravilhados com o aumento dos negócios entre os adolescentes, observando que eles viram jovens comparecerem para comprar dezenas de volumes de mangá de cada vez. “Fazer com que jovens que leem, mas que estão mais acostumados com a Amazon ou grandes lojas venham até nós não é fácil”, disse Naza Chiffert, que dirige duas livrarias independentes em Paris.

 

Um jovem de 18 anos disse ao Le Monde que comprou todos os volumes da série JoJo's Bizarre Adventure: Stone Ocean, de Hirohiko Araki, "sem quebrar o banco".

 

 

Embora o programa tenha recebido críticas por não incentivar suficientemente os jovens a investirem nas artes menos populares, uma vendedora da livraria La Planète Dessin de Paris, especializada em quadrinhos franceses (Bande dessinée) e mangá, diz ser bom para os adolescentes estar lendo. "Não se desculpe por eles lerem mangá. Você tem que lembrar que antes disso, os jovens parariam de ler completamente nessa idade".

 

O Vale Cultura foi uma das promessas de campanha do presidente Emmanuel Macron. Em um discurso para comemorar o lançamento do aplicativo em maio, ele disse que seria uma “vitória formidável” para a França quando os jovens parassem de rejeitar a literatura e o cinema.

 

No início deste mês, Macron compartilhou uma ilustração que recebeu do criador de One Piece, Eiichiro Oda. Na França, apenas o primeiro volume do mangá vendeu mais de 1 milhão de cópias em julho. A série representa 8,3% do mercado francês de manga, com 25 milhões de cópias vendidas desde 2013.

 

Já pensou um vale equivalente, de quase R$ 2000,00 no Brasil? Quais mangás você faria questão de garantir em sua coleção?

 

Fique ligado nas Crunchyroll Notícias e não perca nenhuma novidade!

 

 

Fonte: ANN


Fábio[portuga] é redator de notícias para a Crunchyroll.pt e achou a iniciativa magnífica, se fosse por aqui ele ia investir para pôr em dia todos os seus mangás atrasados! Visite o seu perfil e siga-o no Twitter: @portugassis. Clique aqui para ler outros posts do autor.

Outras notícias principais

10 comentários
Ordenar por:
Hime banner

Experimenta a nova Crunchyroll Beta

Quero experimentar